Divisão de ferramentas eléctricas Bosch

Ferramentas eléctricas Bosch

Ferramentas eléctricas BOSCH: eficácia com inovações e aquisições


(Março 2013)

O Departamento de Ferramentas Elétricas do grupo Bosch é o líder de mercado em ferramentas elétricas e respetivos acessórios. No ano 2012, os colaboradores obtiveram um volume de negócios de 4,0 mil milhões de euros, dos quais 90 porcento no estrangeiro. Com marcas Bosch, Skil e Dremel, o departamento é sinónimo de proximidade com os clientes e avanço técnico. Os fatores de sucesso essenciais são a capacidade e a velocidade de inovação. Todos os anos a Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch lança mais de 100 novidades no mercado. 40 porcento do volume de negócios em 2012 foi obtido pelo Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch com produtos que estão há menos de dois anos no mercado. As áreas de negócio das ferramentas elétricas, acessórios, instrumentos de medição e aparelhos de jardim do Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch apresentam uma evolução melhor que a do mercado.

O Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch cresceu consideravelmente o ano passado, embora alguns mercados chave tenham perdido visivelmente em dinâmica. Com um impulso de seis porcento no volume de vendas, o fabricante de ferramentas elétricas atingiu pela primeira vez o marco de quatro mil milhões de euros. O número de colaboradores, 19.000 em 37 locais de produção, manteve-se igual ao do ano passado. Em 2012 o mercado geral cresceu em quatro porcento para 24,5 mil milhões de euros. Os submercados Ferramentas Elétricas e Acessórios aumentaram de forma análoga. «O nosso crescimento de seis porcento mostra claramente que conseguimos ganhar novamente mais quotas de mercado», explica Henning von Boxberg, presidente da direção do Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch. Em 2013, a área de negócios pretende continuar com este rumo: «Acreditamos que também este ano conseguiremos aumentar o volume de vendas em moldes idênticos», afirma Boxberg durante a conferência de imprensa anual do Departamento de Ferramentas Elétricas.

A área de negócios foi particularmente bem sucedida na Ásia, onde o mercado geral ficou bem aquém das expectativas, sobretudo devido ao arrefecimento da economia chinesa. Boxberg destaca que «Perante um crescimento de apenas quatro porcento na Ásia, termos conseguido aumentar a nossa faturação em 16 porcento na região Ásia-Pacífico é um verdadeiro feito.». Este sucesso deve-se sobretudo à introdução de produtos feitos à medida das necessidades dos artífices e profissionais em mercados emergentes como a China, a Índia e os países da Associação de Nações do Sudeste Asiático , tendo em conta o poder de compra destes mercados.

Para além disso, no final de 2012, a Bosch abriu o novo local de produção Chengdu no distrito de Pujiang (China), onde serão fabricadas as ferramentas elétricas para o mercado chinês. Também na América do Norte verificou-se um aumento de doze porcento na área de negócios, onde o crescimento de mercado foi de seis porcento. O desenvolvimento positivo do volume de vendas deve-se sobretudo ao enorme sucesso no mercado do segmento de produtos de técnica de medição. No principal mercado europeu em fase de estagnação, a Bosch Power Tools consegui crescer três porcento, cimentando assim a sua posição neste conjuntura difícil. A empresa faturou 90 porcento do seu volume de vendas fora da Alemanha.

Grande número de produtos inovadores

Os produtos inovadores são a base do sucesso. 40 porcento do volume de vendas provem de produtos introduzidos no mercado há menos de dois anos. Também este ano, o Departamento de Ferramentas Elétricas irá introduzir mais de 100 produtos novos no mercado, desde ferramentas elétricas a aparelhos de jardim e medição e acessórios. De forma particularmente favorável desenvolveu-se o segmento de produtos de técnica de medição que, num espaço de três anos, duplicou o volume de vendas e alcançou mundialmente uma quota de mercado de 22 porcento. «Desta forma consolidamos ainda mais a nossa posição de líder de mercado mundial», afirma Boxberg. Tanto os profissionais como os aficionados de bricolage valorizam ferramentas fáceis de manusear e que lhes facilitam o trabalho. O Departamento de Ferramentas Elétricas da Bosch apostou nestes dois aspetos na técnica de medição e ampliou a sua oferta de ferramentas em 2013 com o GLM 100 C Professional para profissionais e o PLR 15 para aficionados da bricolage. Em ambos os casos trata-se de um medidor laser de distâncias fácil de usar. O GLM 100 C Professional dispõe de uma interface para uma transmissão fácil e rápida de dados para smartphones, tablets ou PC. No caso do PLR 15 trata-se do medidor laser de distâncias mais pequeno do mundo. Com o seu modo de funcionamento intuitivo, a tecnologia laser fica ao alcance de principiantes e pessoas com pouca experiência em trabalhos de bricolage.

Um excelente exemplo de inovações de sucesso é a Ixo, que em 2013 celebra o seu décimo aniversário. Em 2003 foi a primeira aparafusadora sem fio do mundo com tecnologia de lítio. Com doze mil milhões de unidades vendidas é de longe a ferramenta elétrica de maior sucesso mundial e causou furor com as edições especiais como a Ixo Vino com adaptador saca-rolhas, a Ixo Swarovski e a Ixo Spice com adaptador de moinho de condimentos.

A área de negócios da Bosch empregou em média, em 2012, cerca de 19.000 colaboradores em 37 locais de produção.

Endereço

Robert Bosch GmbH
Departamento de Ferramentas Eléctricas
Max-Lang-Straße 40-46
70771 Leinfelden-Echterdingen

Assistência técnica

Para questões relativas a peças de substituição, reparações e reciclagem, entre directamente em contacto com a respectiva pessoa de contacto. As possibilidades de contacto com o Serviço de Assistência Técnica Bosch ficam acessíveis após a selecção de um universo de produtos.

Assistência técnica para artes e ofícios / indústria Assistência técnica para bricoleiros Assistência técnica para aparelhos de jardim
Partida – Central de ferramentas eléctricas BOSCH
A divisão de ferramentas eléctricas Bosch é membro da
European Power Tool Association
Ir para o início da página

Ficha técnica

© Robert Bosch GmbH